Parlendas

As parlendas são conjuntos de palavras com arrumação rítmica em forma de verso, que podem rimar ou não. Geralmente envolvem alguma brincadeira, jogo, ou movimento corporal.

No morro chato
Sol e Chuva
Um sapo dentro do saco
Pedrinha rolou
Hoje é Domingo
Amanhã é que é Domingo
Um, dois, feijão com arroz
Uni duni tê
Mindinho
Lá em cima do piano tem um copo de veneno
Eu sou pequena
Um elefante amola muita gente…
Jacaré foi ao mercado
Nuvem sol
Comi carne moída
Onça pintada com pintas pretas
Rola bola, bola rola
Tem peixe na pia fria
Fui passear na pinguelinha
Num ninho de mafagafos
Por detrás daquele morro
Piuí, abacaxi
Chuva e sol, casamento
Cabra cega de onde veio?
Quem foi a Cotia
Por que o sapo não lava o pé?
Eu fui por um caminho…
Batatinha quando nasce
Um dia, o doce perguntou ao doce
Entrou por uma porta

Trava-línguas

Os trava-línguas brincam com o som, a forma gráfica e o significado das palavras.  A sonoridade, a cadência e o ritmo dessas composições encantam adultos e crianças. O grande desafio é recitá-los sem tropeços na pronúncia das palavras.

Paraquedista brinquedista
Biblioteca, bicicleta sabrininha é sapeca
Pedro o pintor
O tatu ta ai?
A sábia não sabia
O tempo perguntou ao tempo
Oi! O táta taí?
O indio cutucou a taquara
O palhaço foi no palácio
Pedro tem o peito do pé preto
Larga a tia, largatixa!
Lá de trás de minha casa
O doce perguntou pro doce
Bote a bota no bode
Bagre Branco
É preto o prato
A aranha arranha a rã
Lalá, Lelé e Lili e suas filhas
Três pratos de trigo para três tigres tristes
Debaixo da pia tinha um pinto
Um limão, dois limões, três limões…
Gato escondido com rabo de fora está mais escondido que rabo escondido com gato de fora
Quem cara paca compra, paca cara pagará
O padre Pedro partiu a pedra no prato de prata
Paulo Pereira Pinto Peixoto
Não confunda ornitorrinco com otorrinolaringologista
Preciso ir e vir para pegar vai-e-vem

 

 

 

Você tem alguma parlenda ou trava-línguas legal? Clique aqui e envie para nós

 

Para o Topo
WordPress Video Lightbox